Por razão da pandemia gerada pela Covid-19 o prazo para o alistamento, que deveria encerrar em 30 de junho, passou para o dia 30 de setembro

O governo federal prorrogou, até 30 de setembro, o prazo para o alistamento militar obrigatório de 2020. A apresentação obrigatória do brasileiro que completar 18 anos de idade acontece, normalmente, nos seis meses do ano, mas por razão da pandemia gerada pela Covid-19 o prazo para o alistamento, que deveria encerrar em 30 de junho, passou para o dia 30 de setembro.
 
A inscrição pode ser feita pelo site www.alistamento.eb.mil.br ou pessoalmente na Junta de Serviço Militar. Em Hulha Negra a Junta Militar está em anexo a secretaria municipal de Agricultura. O alistamento é obrigatório para jovens do sexo masculino, mas, constitucionalmente, as Forças Armadas (Aeronáutica, Exército e Marinha) devem atribuir serviço alternativo às atividades de caráter essencialmente militar para os candidatos que alegarem “imperativo de consciência” para não prestar serviço militar por crença religiosa ou convicção filosófica ou política.
 
O jovem que não se alistar pode ser punido com uma multa cujo valor varia conforme o tempo decorrido até que se apresente à Junta Militar. Além disso, quem não regulariza sua situação pode ser impedido de tirar passaporte, ser empossado em cargo público, entre outras sanções.
 
Segundo o Ministério da Defesa, além de prover e capacitar quadros para as Forças Armadas (Aeronáutica, Exército e Marinha), o Serviço Militar “é um importante instrumento de afirmação da unidade nacional”.
 
Seleção
Feito o alistamento, os inscritos deverão ficar atentos à data em que deverão comparecer para participar do processo de seleção que, habitualmente, ocorre de fevereiro a novembro. A data para o comparecimento à Comissão de Seleção deve ser consultada no mesmo site de alistamento.
 
De acordo com o Ministério da Defesa, os recrutas são escolhidos por dois critérios principais. O primeiro é a combinação do vigor físico com a capacidade analítica, medida de maneira independente do nível de informação ou de formação cultural. O segundo é o da representação de todas as classes sociais e regiões do país. A seleção também leva em conta aspectos culturais, psicológicos e morais.
 
Quem precisar de atendimento na Junta Militar de Hulha Negra deve entrar em contato pelo telefone 53 999732513(whatsapp), com Volnei Manfron, Secretario da Junta no município. Manfron explica que em razão do controle de retenção do novo coronavírus, o atendimento da Junta deve permanecer online. É possível, através do telefone ou pelo email [email protected], solicitar serviços de Alistamento Militar, Certificado de Dispensa Militar e outros documentos que eram solicitados no atendimento presencial.

Fonte: Ascom Hulha Negra

Data de publicação: 02/07/2020

Créditos: Joanes Araujo/Ascom Hulha Negra

Créditos das Fotos: Divulgação

Compartilhe!